Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation since 04/26/2019 in all areas

  1. 2 points
    Estes dias os meus tiveram pânico noturno, e é difícil até mesmo saber o que os assustou. Deixei a luz do corredor acesa, para que eles não fiquem na total escuridão mas também não fiquem em local totalmente iluminado. Isto costuma resolver....uma luz indireta que não os incomode para que eles não fiquem em ambiente totalmente escuro.
  2. 2 points
    Sim. Só estranhei a rapidez. Pra ter uma ideia, estranhei até quando ele nasceu, era pra nascer com 18-21 dias (tempo normal pra pombos nascerem), mas eu fui ver no 15º dia e ele já estava lá. Minha mãe diz que ele é muito impaciente, apressado.
  3. 2 points
    Infelizmente ela ainda vai acordar. Com o tempo ela vai acostumar, mas fique atenta para panicos noturnos. Quando o lugar é muito barulhento a ave pode se assustar durante a noite e ter ataques de panico. Esteja sempre atenta para isso. Mesmo depois que ela acostumar, ela deve acordar a noite, portanto é importante respeitar o horário de descanso delas. Aves não são animais noturnos, portanto assim que escurecer, você coloque-a para dormir. Isso vai melhorar o descanso dela e não vai prejudicar a saúde mesmo ela acordando uma vez ou outra durante a noite.
  4. 2 points
    É muito importante antes de ter um animal de estimação estar preparado para a chegada dele. Tudo que está acontecendo pode ser por consequência das condições que ele está vivendo. Ele não tem gaiola, nem um lugar para chamar de lar e tem dormido embaixo da cama isso deve estar sendo muito estressante para ele. "Ele não dorme na caixa", você nunca vai conseguir fazer uma ave dormir em uma caixa. Sobre a alimentação: Ao ir comprar ela você não teve nem sequer o interesse de perguntar ao vendedor oque ela comia? Nem vontade de comprar um alimento para ele no ato da compra? Oque faz para ele parar de tirar as próprias penas ? Arruma um lar descente, uma gaiola ou viveiro grande, com alimentação adequada (um mix de sementes ou uma boa ração extrusada), deixa ele quieto uns dias e espera ele se acostumar com o lar para depois tentar colocar ele nos ombros ou no dedo. É super importante antes de adquirir qualquer pet pesquisar seus hábitos, calopsitas são super sensíveis, 2 dias sem uma alimentação adequada (comendo alimentos que faz mal para ela ainda), vivendo em caixas e debaixo da cama pode ser fatal para a saúde dela e levar até a óbito.
  5. 2 points
    Independente do material que os poleiros são feitos, ela irá se machucar se tiver pânico. Coloque a gaiola dela num lugar silencioso durante a noite, de preferência num local longe das pessoas e animais, porque elas podem se assustar com passos, latidos, pessoas falando ao redor, pessoas ligando ou desligando as luzes toda hora, etc; Cubra a gaiola durante a noite com um paninho mais grosso, deixando somente uma fresta pra poder ventilar. O importante é eliminar o barulho e as luzes nessa hora, pois essa é a maior causa do pânico noturno em aves.
  6. 1 point
    A Vanessa falou bem, o problema não é o frio, é o vento. Você mora aonde? Região fria? Já vi calopsitas e outros psitacídeos em regiões bem frias e criados em viveiros externos.
  7. 1 point
    Acabei de criar um tópico com o mesmo assunto. Quando responderem te trarei dicas.
  8. 1 point
    Mas o macho portava outras mutações... Nasceram INO, INO CB e cinza.
  9. 1 point
    Oi Joseph, "não existe " Fúlvo canela!!! O nome correto eh Fúlvo bronze!!! Ou Fúlvo prata, que eh também chamado de prata recessivo.... Se observar o pai deles ele tem a marcação comum do Silvestre porém eh mais claro e possui o olho vermelho!!!! Se fosse um Ino canela ele não teria a marcação de silvestre, as penas seria canela mais as de vôo e da cauda!!!!!
  10. 1 point
    Eu confirmei com o antigo dono e ele disse que ela tem 3 meses mesmo, foi alimentada sozinha pela mãe até 2 meses (tinha a atenção da mãe só pra ela), por isso está na papinha há mais ou menos um mês. Está beliscando a extrusada, mas parece que ainda não come muito. Acho que vou começar a tirar a papinha da manhã e depois tiro a da noite. Vou manter só a extrusada por enquanto o dia todo até ela sair da papinha. Quando ela sair totalmente da papinha, entro com as sementes. O que acha? Tenho medo dela preferir as sementes e depois não acostumar com a ração extrusada. Farinhada estou descartando por enquanto, então. Excelentes dicas Ninha, muito obrigado. Com relação a alimentação, como ela está na fase de transição da papinha pra ração estou preferindo não entrar com frutas verduras ou outras coisas pra não desviar o foco dela. Depois que ela estiver comendo só a ração, pretendo entrar estas outras coisinhas...rsrs. Boa dica dos brinquedos, acho que vou tirar por enquanto então. Acha que qual é o melhor momento ou a melhor idade pra colocar os brinquedos pra ela? As penas das asas já estão cortadas, quando eu for cortar de novo vou num veterinário pra ele me explicar direitinho. Mas tbm já andei vendo alguns videos. Quanto ao banho, me disseram que como ela ainda não tomou sozinha, não preciso me preocupar muito agora enquanto ela ainda é filhote. Mas assim que ela estiver maiorzinha e o tempo estiver mais quente, vou por ela no sol e tentar com borrifador. A maior dificuldade nossa está sendo deixar ela dormir tranquila antes das 22h, por mais que eu coloque uma coberta (como vc falou) a partir das 18h, ainda tem trânsito de pessoas em casa. Só depois das 22h é que ela consegue um sono tranquilo e sossegado. Isso está me preocupando um pouco. Sempre olho na gaiolinha a noite e percebo ela ainda acordada (acho que por causa do movimento nosso em casa). Daí 6h da manhã todos acordam inclusive ela, tadinha. Grato pelas dicas.
  11. 1 point
    Se sua ave tem msm três meses ela já deveria ter largado a papinha há mais de um mês. Vc tem q procurar saber oq ela já comia com o antigo dono. Se for sementes, compre um mix de sementes e dê. Ela n vai começar a comer ração do nada se só comia sementes. Geralmente nos primeiros dois ou três dias elas pouco comem, bebem e muito menos interagem num novo ambiente. De resto, leia aqui
  12. 1 point
    pois vc tem q acostuma-la. é pra segurança dela como vc pode perceber com esse incidente. qm manda na casa são vcs e nao ela. em q cidade vc mora? aproveite e leia esses tópicos Editado 22 horas atrás por Nascime
  13. 1 point
    Parece que a pessoa comprou uma ave achando q era cachorro. Só pode kkkkk ( ri p n chorar). Espero seriamente q o colega criador do tópico seja uma criança ou pré adolescente p ser sem noção assim kkkkk Brincadeiras a parte... @Thiago Emanoel faça um favor a vc e sua ave lendo esses tópicos w botarei aq e SIGA AS DICAS de qm tem mais experiência e quer o melhor para as aves.
  14. 1 point
    @SAM 3 É que o girassol tem um teor calórico muito alto, mas deve estar sim na alimentação, mas em quantidades mínimas, tipo como um agrado bem de vez em quando. No caso da berinjela, nunca utilizei, até porque nem eu mesma como. Mas existem outros inúmeros alimentos que você pode oferecer, como jiló, pepino, cenoura, milho verde cozido sem sal, etc.
  15. 1 point
    Linkgen tb faz. Eu particularmente faço pela Ampligen (antiga são camilo).
  16. 1 point
    Essa é uma papinha bem ampla que serve pra alimentar diversas espécies de aves. Veja do que é composta.Você pode oferecer sim pra sua calopsita, mas essa não é específica pra uma única espécie. Produtos da Alcon de modo geral são de ótima qualidade, então acho que não terá problemas com ela. Tente oferecer essa e observe o filhote, veja se as fezes estão normais, etc.
  17. 1 point
    Já observei os meus afastando as cascas com o bico pra pegar semente mais embaixo. Eu uso uma vasilha com uma área grande, tipo uma saladeira rasa, pra várias aves conseguirem comer ao mesmo tempo juntas, já que eu tenho 12. Eu coloco uma camada relativamente fina de sementes e troco todo dia. Mas eu troco mais pra manter as sementes limpas, se eu colocar um pouco mais e deixar dois dias, por exemplo, elas conseguem afastar as cascas e comer as sementes debaixo. Acho que se vc colocar uma vasilha mais larga ou várias vasilhas, já resolve.
  18. 1 point
    Primeiro é saber se vc tem um casal msm ou duas fêmeas
  19. 1 point
    Olá pessoal,estou aqui um pouco triste . Tenho 3 calopsitas1 casal e outro macho . So que o macho do casal está aparentemente muito doente ele está com as penas ouriçadas,fechando o olho direto,coloca a cabeça dentro das asas e fica sempre no cantinho. Sempre que chamo ele ou assovio ele não atende mas quando vou dar pão ou semente de girassol ele vem e come devagarinho.E o pior é que na cidade onde moro e nas regiões cidades vizinhas não temos veterinários de aves . Então oq eu posso fazer para ajuda-lo ? Se ele vier a falecer a fêmea forma um casal com o outro macho apesar de serem monogâmicas ?porém tem apenas uma semana que eles estão juntos na mesma gaiola. O que eu devo fazer pessoal ?
  20. 1 point
    Joga tudo fora no sentido de vomitar o que comeu? Ela pode estar com alguma doença respiratória, por isso você ouve esse chiado. Cubra bem a gaiola durante a noite se estiver mais frio e nunca deixe ela pegar friagem, vento, chuva, etc. Leve no veterinário, porque seja uma doença respiratória ou uma infecção, ela precisa de ajuda urgente pra ficar melhor.
  21. 1 point
    Olá, sua fêmea é pérola, então o macho porta INO, não sei direito mas o filhote INO tem 75% de chances de ser fêmea.
  22. 1 point
    Leve no veterinário, ela pode estar com uma lesão interna ou algo que impeça a comida de passar pelo estômago pra ser digerido. Se ela não consegue comer sozinha, é um péssimo sinal, ainda mais depois de um acidente desse com o ventilador. A papa saindo pelo nariz é sinal de que a comida foi pra via errada, ao invés de ir pra dentro do papo, foi pro nariz e por isso sai por ali. Leve ela no médico urgente.
  23. 1 point
    Viveiros redondos fazem mal a orientação especial das aves, segundo alguns criadores. Além do mais o primeiro é muito maior. Qnt maior melhor
  24. 1 point
    Eu também kkk. Eu tenho um periquito de 5 anos. Quando vou destampá lo de manhã é o maior suspense...
  25. 1 point
    Existe perigo sim, porque eles já possuem filhotes que estão crescidos, então seria extremamente desgastante pra eles cuidarem de pássaros recém-nascidos e jovens ao mesmo tempo, então eles poderiam até abandoná-los. Retire o ninho e os ovos da gaiola. Não deixe que eles reproduzem, porque posturas seguidas pode deixar suas aves muito fracas e até debilitadas com o tempo. Quantos filhotes eles tem? O correto seria você ter ajudado os pais dando papinha pros filhotes desde recém-nascidos, caso forem muitos. Então fica a dica, na próxima vez, ofereça papinha pros filhotes pelo menos duas vezes ao dia desde pequenininhos, pra que isso não exija muito esforço dos pais.
  26. 1 point
    Sérgio, boa tarde. Estou procurando informações sobre o mesmo assunto e encontrei sua pergunta. mesmo depois de quase dois anos não houve resposta ainda pra vc. Uma pena. Às vezes nos deparamos com questionamentos que nem os grandes criadores respondem. Essa parece ser uma delas. Eu crio calopsitas há alguns anos e atualmente estou com baixa taxa de fecundação dos ovos em um casal, além de querer cruzar algumas mutações sem a problemática de se trocar os casais, daí parti para pesquisa sobre inseminação artificial, mas realmente se encontra de vários animais, mas de calopsitas especialmente não se encontra e se passa batido nas buscas. Eu já criei periquitos australianos e fazia manualmente as inseminações intuitivamente e sempre deu certo, mas com calopsitas eu ainda não consegui, pois coletar o sêmen tem sido a minha grande dificuldade, não consigo coletar e tenho receio de machucar o animal. Parece ser realmente mais difícil do que nos periquitos. São maiores e mais violentas essas aves. Enfim, se eu conseguir alguma informação compartilharei com você. Há algum tempo atrás a grande dificuldade para mim era encontrar ovo artificial (indez) para calopsitas, mas o mundo evoluiu e já se falam sobre usar um que criaram para agapornis, mas eu já estava há muito tempo fazendo ovos com a massa de durepoxi por conta da falta de informação e desse mesmo silêncio nas buscas pela internet. Grande abraço e muito boa sorte em sua busca. Se tiver tido alguma informação de 2017 para cá, me ajude também. email sergio.2001@yahoo.com.br Atenciosamente, Sérgio Rodrigues
  27. 1 point
    Existem mix de sementes no mercado (Na agropecuária, no caso) que vem embaladas com a quantidade certa de cada semente. Ração extrusada e farinhada são também uma ótima opção na alimentação, possuem vitaminas, cálcio, etc. Girassol deve ser oferecido sempre em pequenas quantidades e a alimentação natural também deve ser diversificada, então teste e ofereça frutas e legumes pra sua calopsita e veja as que ela mais gosta. (OBS: NUNCA ofereça abacate ou alface, pois o abacate possui toxina e a alface causa diarréia). Alguns exemplos de frutas são: maçã, banana, uva, manga, cereja, kiwi, mamão, pêssego, goiaba, pera e laranja (essa em pequenas quantidades), etc. Alguns exemplos de legumes e verduras são: jiló, pepino, cenoura, milho verde, almeirão, rúcula, couve, etc. Faça uma boa higienização antes de dar qualquer alimento desses mencionados acima. Troque apenas os alimentos frescos na gaiola, principalmente banana, maçã, folhas e alimentos que rapidamente escurecem e já não são próprias pro consumo delas. Ração e sementes deve estar sempre a disposição e sempre em abundância, mesmo que elas desperdicem algumas sementes jogando elas no fundo da gaiola; A água deve ser de preferência filtrada e os potes (comedouro e bebedouro) devem ser higienizados diariamente. Espero ter ajudado.
  28. 1 point
    Coloca um potinho que ela se vira, não economize na alimentação, Nutropica ou Megazoo, pode colocar sempre trocando todo dia, couve, brócolis, ovo, milho cozido sem sal, cenourinha ralada . Detalhe evite dar sementes de girassol, pão, alface.
  29. 1 point
    Claro que não é errado criar solto, só que em que certos momentos ela não deve estar solta, como ela é muito dependente de vc e por um acaso ela fique sozinha pode se machucar querendo ir atrás de vc, por isso ensine ela a ser mais independente como a Nascimento disse. Tenho um macho muito apegado a mim, não aparo as asas por que solto elas em um horário certo com muita supervisão e em um lugar fechado, e se paro na frente da gaiola já vem direto pro meu ombro, só que não é tão dependente de mim, é muito bom ver uma ave tão apegada, mas vale lembrar que todo cuidado é pouco e que muito dependente não é saudável
  30. 1 point
    Nessa idade já pode tirar dos pais e criar vc mesmo na papinha. Procure a tabela de papinha que tem aqui no fórum. Não tem erro. Retire o ninho da gaiola dos pais e dê descanso de uns 3 meses pra eles, pelo menos. Boa sorte.
  31. 1 point
    Nunca deixe sua calopsita exposta a correntes de ar, pois elas são bem frágeis e podem adquirir doenças respiratórias muito facilmente. Leve-a no veterinário que ele te indicará o remédio ideal pra tratar ela, pois pode ser desde um resfriado até uma doença mais séria. Só tem mesmo uma coisa pra prevenir contra essas doenças, que é nunca deixar a ave num lugar onde passa muitas correntes de ar, coloque-a pra tomar sol de manhã normalmente e depois leve ela pra um local mais "fechado", onde tenha uma boa ventilação, luminosidade, mas que não tenha vento ou aparelhos como ventilador ou ar-condicionado ligados. Espero ter ajudado.
  32. 1 point
  33. 1 point
    Olá! Sua pergunta tem duas partes. Primeira parte: Conheço pessoas que tiram filhotes com 2/3 de ninho e dizem que esta é a idade ideal. Por exemplo, um filhote de agapornis sai do ninho com aproximadamente 45 dias, nesse caso deve-se tira-lo do ninho com 30 dias de vida. Mas eu mesmo já tirei filhotes com menos idade ( 7 e 15 dias) e consegui criá-los bem. A discussão da idade a se retirar do ninho gira em torno de duas coisas principalmente: empenamento da ave (que na idade de 2/3 de ninho já está com bastante pena) e a formação do sistema imunológico e desenvolvimento (os filhotes recebem anticorpos e hormônios -- de crescimento, por exemplo -- dos pais através do alimento regurgitado. Segunda parte: Depende do que você considera "manso". Os dois jeitos mais comuns de se amansar são: (1) pegando a ave todos os dias mas deixando os pais cuidarem dela até ela comer sozinha e ser independente; (2) alimentando com papinha ou "imprinting". Vamos analisar cada uma das maneiras agora: Com o primeiro modo você terá como resultado uma ave que não te bica (geralmente), não se assusta quando você chega perto e até interage (vem na sua mão, come nela, fica no seu ombro e perto de você, etc). Mas ela sempre terá um pezinho de desconfiança, sempre ficará muito alerta com as coisas que você e outras pessoas fazem. Geralmente são aves que não aceitam carinho em cima das asas pois esse é um instinto de defesa delas na natureza, sempre estão atentas para não serem predadas pelo seu ponto cego, ou seja, por cima. Dessa forma o pássaro sempre estará sob um certo nível de estresse. Já no segundo modo o resultado é diferente. Alimentando o pássaro com a papinha você cria uma marca, uma impressão nele e então ele passa a te reconhecer como seu progenitor. É como se na cabeça dele você fosse o pai dele, quem o alimenta e o protege, e quem o vai ensinar a sobreviver. Dessa forma ele confia em entende que deve ficar junto de você. Isso elimina o estresse da ave pois ela não ficará sob desconfiança, ela cofiará em tudo que for relativo ao seu dono. Na minha concepção devemos sempre pensar no que é melhor para a ave e não para seu dono. Criar na papinha dá um pouco de trabalho mas isso irá gerar uma ave sem estresse e por isso mesmo mais saudável. Escolhendo qualquer um dos dois modos te indico a criar pelo menos duas aves da mesma espécie juntas. Jamais crie uma ave sozinha, ela será extremamente dependente de você. E isso não se resolve com algumas horas de companhia por dia; uma ave precisa de 24h de companhia. Caso fique sozinha sofrerá com estresse. E isso não quer dizer que ela vai deixar de ser sua companheira, lembre-se que ela está imprimida a você e quando adulta deixará de te ver como progenitor e passará a te ver como mais um de seu bando. Isso sim é mais saudável para o pássaro, um "dual imprinting", ou seja, ele está imprimido em duas direções: ao ser humano e à própria espécie. Deixo aqui ainda o nome de dois canais no You Tube de criadores que utilizam essa técnica e essa filosofia de criação, um brasileiro e outro espanhol, vale a pena conferir e aprender mais sobre o assunto: (1) Voo Livre (2) halctor Espero ter ajudado!
  34. 1 point
    Eu uso QUASE exclusivamente extrusada. Minhas aves comem um pouquinho de semente só 1 vez por semana (tipo o dia do lixo). Assim, eu tenho uma calopsita e um periquito australiano. Um pacote de 350 g da extrusada Megazoo PM 13 dá 1 mês de boas. E o pacote é uns 16-20 reais aqui no Ceará. As melhores marcas são Alcon, Megazoo e Nutrópica. Tem também a CeDê, que dizem ser a melhor do mercado, mas tive problemas com a papa para lóris deles, não sei... Assim, eu preferi não tirar completamente as sementes pq elas ajudam na manutenção do bico, de certa forma, e todos os veterinários que perguntei sobre dizem que essa forma está super ok. Quanto as fezes, vc nota mesmo qualquer diferençazinha. Quando eles comem frutas vermelhas, fica beeeeem vermelho. Até a qualidade do extrusado vc vê pelas fezes. Por exemplo, não achei a Megazoo deles e tive que comprar uma marca meio ruizinha. Vi logo que, mesmo comendo direitinho, as fezes mudaram, o extrusado não foi bem digerido, etc. Eu monitoro até a qualidade da água pelas fezes deles agora kkkkkkk
  35. 1 point
    Fico feliz por ela estar melhor. Eles merecem todo o nosso cuidado e atenção!
  36. 1 point
    Quando nascem de plumas brancas e olhos vermelhos serão albinos com certeza. Se nasce com plumas brancas e olhos escuros os filhotes serão CB podendo ser todas as variedades possível sem conseguir diferenciar pelo aspecto de filhote (recém-nascido), daí só esperando mesmo. Infelizmente pela foto não dá para ver os olhos, portando não dá para ajudar.
  37. 1 point
    Ok farei isso!! Obrigada!!
  38. 1 point
    Acredito! Kkkk.Não sei porque inventam de colocar nomes difíceis em sementes!
  39. 1 point
    Muito obrigada! Vc me ajudou muitoooo
  40. 1 point
    Olá @Suhpecharka... Que lindos seus bebês Sugiro que você mesma dê nomes a eles com por exemplo nomes de integrantes de bandas que você goste ou de de alguma outra coisa que te traga paz e felicidade. Não sei porque os criadores cortam as penas assim tão curtas... me dói o coração ver uma coisa dessas. Boa sorte* Ninha*
  41. 1 point
    O ninho acaba ficando pequeno pra tantos pássaros em crescimento, então como @SAM 3 disse, você pode tentar colocá-los em uma caixinha ou um espaço maior, pra que todos os filhotes se acomodem dentro e ninguém fique de fora.
  42. 1 point
    Olá Diane, Pela sua descrição o melhor é leva-la a um veterinário. Ninha*
  43. 1 point
  44. 1 point
    Mas se ela estiver arrancando as penas por estresse, separar ela do macho e mudar de ambiente pode piorar a situação, não? Uma vez que eles formam casal, eles ficam juntos pra la e pra cá, dormem perto um do outro. E quando a gente tem que separar eles temporariamente por algum motivo, eles ficam se chamando o tempo todo. Se fosse eu, não separaria, a menos que o macho esteja batendo nela, mas aí o comportamento dele deve ser por conta das posturas seguidas, como os meninos falaram. E tirar o ninho e impedir que eles choquem por um tempo já resolveria, não precisaria separar eles em definitivo.
  45. 1 point
    Parece que brigar por poleiro é o que eles mais fazem. Aqui eles sempre querem o poleiro de cima. O macho tem um pote que é só dele, nem eu posso pegar.
  46. 1 point
    Muito obrigado @VanessaHollier
  47. 1 point
    Kkkkk Eu tenho 2 machos mansos. Daí quando faço carinho em um faço no outro. Qdo pego um pego o outro. Tento mostrar que os dois tem a mesma atenção e da certo. As vezes qdo estão no ombro o mais velho tenta espantar o mais novo, aí eu tiro um deles do ombro, ou separo um em cada ombro, e na hora de dormir tb dava briga, mas agr eles ja se acertaram e cada um tem seu espaço e se ngm invadir o do outro eles ficam de boa. Kkkk Tenta colocar outro poleiro simetricamente e na mesma altura deste que estão disputando. Tente dividir o carinho e mostrar que tem de vc para os dois. É complicado mas é a experiência que tive. Talvez outra pessoa tenha obtido sucesso de outra forma.
  48. 1 point
    O cantinho das minhas calos! São troncos naturais! Comprados em loja de Aquarismo, elas amam beber água na cascata! São criadas soltas aqui em casa! Amam o cantinho delas!
  49. 1 point
    Coloque o ninho, pra ela se sentir melhor, se ela já está pondo só vai parar quando termina, aí você pode retirar se quiser
  50. 1 point
    Tutorial gentilmente postado por nosso colega Nelson Syozi, muito útil para quem gosta de acompanhar o peso de sua ave.Uma dica que eu faço para pesar as calopsitas.1. Comprei uma balança de precisão, para jóias e bijuterias (Merc. Livre: +/- R$ 18,00) 2. Cortei um poleiro em duas parte e emendei formando uma letra T (aparafusado ou colado)3. Arrumei uma base de acrílico (madeira ou qualquer outro material) e que não ultrapasse do tamanho da balança.4. Aparafusei o poleiro T na base.5. Toda vez que eu ligo a balança, coloco o poleiro em cima e aperto TARA pra fazer o abatimento do peso do poleiro.Depois é só colocar a calopsita em cima.Os valores são precisos, como a minha que está pesando 75,5g, mes passado estava com 74,8gFaço uma vez por mês, pois assim posso diagnosticar como está a saúde das minhas princesas. Fato verídico: Fui ao vet., famoso em SP, e quando a veterinária pesou a minha calo, informou que ela estava com 111g e disse que ela estava obesa, ou seja, diagnóstico errado...
This leaderboard is set to Sao Paulo/GMT-03:00