Quadro de Classificação


Conteúdo Popular

Showing content with the highest reputation since 20-02-2019 em Postagens

  1. 2 pontos
  2. 2 pontos
    Boa noite! Não é normal todos os filhotes serem pequenos e demorarem a desenvolver. Só entraria em um problema genético caso os pais fossem irmãos ou pai/filha etc. E ainda assim, não é muito comum. Tente observar se seu casal apresenta placas brancas na língua ou embaixo dela. Observe as fezes do seu casal. Avalie também a alimentação que você dispõe aos pais durante a reprodução (precisa reforçar a alimentação muito antes de iniciar a postura pois uma alimentação pobre em nutrientes pode induzir a postura de ovos "fracos" onde os filhotes tendem a morrer antes de nascer ou quando nascer, apresentam dificuldade de crescimento e sistema imunológico sensível). Ofereça uma boa variedade de alimentos e certifique-se que os pais não apresentam alguma patologia, algumas doenças afetam e muito no desenvolvimento dos filhotes e também na quantidade de filhotes sobreviventes por ninhada. Seu casal precisa tirar umas férias. É bom usar esse período para tentar ganhar a confiança do macho, o comportamento dele está relacionado ao estresse que a sua presença causa, ele fica com medo e acaba descontando na fêmea. Bj
  3. 2 pontos
  4. 2 pontos
    E que na verdade falo isso pra todos os usuários do fórum, sempre que adquirir um bichinho de estimação, não importa se é um passarinho, cachorro, gato, camelô, girafa, procure sempre obter informações de como criar e cuidar dele, antigamente era muito difícil conseguir informações mas hoje com a internet ficou muito fácil . Caso amanhã você queira ter outro bichinho, exemplo outra calopsita, de uma boa olhada nas informações do fórum e se precisar tirar dúvidas estamos sempre prontos a ajudar, o que não queremos e que ACIDENTES desse tipo não ocorram, porque amamos demais esses "carinhas" .
  5. 2 pontos
    Podem sim, normalmente demora entre 18 a 23 dias pra nascerem . Tire os ovos e faca ovoscopia novamente. Por acaso você deixava uma bacia com água na gaiola ?
  6. 2 pontos
    Bom dia, Eu tenho duas calopsitas, costumo trocar o papel que protege o fundo do viveiro todos os dias, quando estou na correria e não tenho muito tempo acaba ficando dois dias sem trocar, mas como é viveiro eles não ficam em contato com fezes e restos de alimentos. Comprei aquele papel utilizado em maca de massagem, corto ele um pouco maior do que a bacia do viveiro que fica bem protegida então é só trocar e fica limpo novamente. Procuro deixar os poleiros e grades limpas livre de fezes, essa limpeza vou fazendo conforme necessidade, as vezes mais de uma vez ao dia, assim como potes de água e comida. Acredito que a limpeza tem que ser feita conforme necessidade, sem muito exagero e forma que mantenha a saúde da sua ave. Ninha*
  7. 2 pontos
    Lavar gaiola e viveiro todos os dias não vejo necessidade. Basta trocar o papel do fundo todos os dias. Em relação aos potes de água e comida, devem estar sempre limpos, sem deixar comida por mais de 1 dia. É interessante também evitar que fezes se acumulem no poleiro e fiquem em contato com as patinhas deles.
  8. 2 pontos
    Verdade ,eu tenho somente 4 calopsitas ,9 periquitos e um papagaio kkk. Infelismente nao vai dar pra postar fotos pois estou usando computador sem cam. Fasso isso pra passar tempo mesmo. Sem esses bixinhos eu estaria sedentario...
  9. 2 pontos
    Sinceramente não vejo essa necessidade de lavar gaiola e viveiro todo dia (dependendo da quantidade de aves q vc tenha). Até pq vc desperdiça muita água. Um fundo forrado com jornal, trocando td dia, e uns potes q evitem desperdício de comida já são suficientes pra manter o ambiente limpo. Tem gente q usa potes menores e tem q recarregar comida todo dia ou duas, três vezes por dia. Eu só recarrego a cada 5 ou 6 dias, no mais é só assoprar mesmo. Já a água (uso filtrada) troco todo dia lavando a vasilha. Nenhum dos potes ficam embaixo ou em lugadores q eles se pendurem, logo, permanecem sempre livres de fezes. Mas tbm tem uma coisa aí. Cada um tem seu conceito doq é sujo e limpo =D. Posta uma foto aí dos seus trens.
  10. 2 pontos
    kiko :parece arlequim cara branca pipoca: lutino cara branca jennifer: lutino e macho john show: ? nenem: arlequim
  11. 2 pontos
    Elas são do mesmo modelo, mais a antiga tem 56cm de comprimento a nova tem 68cm, a antiga tem 34cm de largura e a nova tem 43cm, a antiga tem 66cm de altura e a nova tem 84cm... Pois nascimento eu vou pôr em prática esse ideia de manter eles presos, como eles são acostumados soltos no começo vai ser meio difícil a fêmea fica empurrando a tampa com a cabeça e colocando a cabeça pra fora em algumas brechas da gaiola.. Então é melhor eu esperar Mascarenhas os filhotes para fazer a troca né ... Vou aguardar... Você acha que com essas medidas que passei da nova gaiola eles vão se sentir mais confortáveis e mais espaço ?
  12. 2 pontos
    Em regra Só se mexe em gaiola e ninho depois que os filhotes saem do ninho. Não consegui ver diferença de tamanho nas gaiolas q vc mostrou. Parecem as mesmas. "comem muita besteira no meu quintal e mal dão importância nas coisas que coloco no viveiro." Espero que vc amadureça pra ontem a ideia de mantê-los presos e soltar só com supervisão. Pq oq vc tá fazendo deixando eles soltos comendo besteiras como flw é a senha certa pra um dia se intoxicarem com alguma coisa e morrerem. nao cansamos de repetir, calopsita solta só em local TOTALMENTE seguro ou com supervisão.
  13. 2 pontos
    Concordo com o Nascimento, ela vai ficar mais estressada na viagem .
  14. 2 pontos
    Se vai voltar no mesmo dia, nao vejo necessidade.
  15. 2 pontos
    Os meus no finalzinho tive que dar uma forçada, também estavam fazendo bico( gostou do trocadilho) na hora de comer . Diminua para 3x, café, almoço e janta .
  16. 2 pontos
    O importante para uma calopsita amansar é fazer ela sentir confiança em você. Para isso precisará de muita paciência. Apare as asas dela para evitar acidentes e vá com calma. .Deixe ela solta no período que for amansar ela, não chegue tacando a mão, converse com ela, assobie, coloque coisas gostosas e assim ela vai associar você como uma coisa boa. Depois comece a pegar ela, vá dando o dedo para ela subir ou coloque ela no ombro e deixe-a quieta... Amansar aves adultas é um pouco mais difícil, tive uma fêmea que quase me arrancava o dedo quando eu tentava pegar ela, era super apavorada, demorou uns 5 meses para conseguir ficar com ela no ombro e fazer ela subir no meu dedo. Mas vai de ave para ave. Tem uns vídeos no youtube que ajudam com relação a isso, dá uma olhada lá. Boa sorte.
  17. 2 pontos
  18. 1 ponto
    Oiii boa noite, estão sim estão lindos parabéns!!! Estão bem desenvolvido em? Então se o seu machinho e cb e a fêmea pérola , eles portam alerquim. Pois esse filhotinho de topetinho amarelo.. e um alerquim , o outro é um silvestre (pode ser pérola tbm igual a mãe) e que na foto não dá muito pra ter uma noção, daqui uns 5dias já dá pra ter a certeza se é silvestre ou pérola.. mais cinza vai ser kkkkk , fica tranquila que estão lindos e bem saudáveis.
  19. 1 ponto
    Tenho um Macho arlequim cb que tem algumas penas da cauda listradas. As vezes foge do padrão, mas no geral funciona mesmo. Faz a sexagem que logo terá certeza. Se ficar esperando comportamento, sempre haverá dúvidas até o dia que ela formar um casal.
  20. 1 ponto
  21. 1 ponto
    Verdade As vezes o excesso é prejudicial. Um bom mix de sementes + extrusada + farinhada, PRA MIM, são mais doq suficientes pros pais alimentarem os filhotes nas primeiras semanas.
  22. 1 ponto
    Bom dia! Não, falei somente dos filhotes resultantes do cruzamento entre um lutino pérola x arlequim cinza comum. Caso escolha uma fêmea arlequim canela, os filhotes serão iguais aos mencionados na primeira resposta, adicionando que os machos irão portar lutino/arlequim/pérola/canela. Caso escolha uma fêmea arlequim pérola, os filhotes serão machos pérolas portadores de lutino e arlequim e fêmeas lutinas pérolas portadores de arlequim. Bj
  23. 1 ponto
  24. 1 ponto
    Kalliane... Aves não bebem leite! Já ouvi muita gente dizer que fornecem pão com leite pensa no mal que pode causar a ave, leite e fermento??? Acho que sempre que ficar na dúvida, tem que se perguntar: se esse animal estivesse na natureza, tomaria leite??? é claro que não.... Enfim... concordo com Ruz, é sempre bom pesquisar antes de fornecer algum alimento diferente para sua ave. Espero que ela melhore, tente fornecer milho, couve e ovos. Eu levaria no veterinário o mais breve possível. Ninha*
  25. 1 ponto
    Bom dia! Mini, eu uso a papinha da Alcon + um sumplemento externo de outra marca que contém mais vitaminas, aminoácidos, pré e próbioticos e as leveduras vivas (a papa da Alcon não tem tudo isso por isso eu utilizo esse por fora, entende?). Como o Ruz falou, a alimentação dos pais nos primeiros dias equivale ao leite colostro de nossas mães. Ela é rica em proteínas, gorduras, anticorpos e contém microrganismos que irão participar diretamente no desenvolvimento da flora intestinal. Então, devido a não existência dessa fase importante em filhotes criados a mão desde o primeiro dia, eu utilizo esse suplemento por fora porque é altamente necessário que os bebês tenham uma boa microbiota para então poderem absorver todos os nutrientes da papinha (filhotes criados na papa tendem a desenvolver mais lentamente devido a isso, depois que passei a utilizar, percebi o desenvolvimento normal neles e ficam mais saudáveis, bonitos e gordinhos). Isso cabe a você utilizar ou não, tá? Não é obrigatório. Eu só dou papinha até 22~23 h, não tem necessidade de acordar de madrugada para dar rsrs. E sim, os filhotes dormem muito mesmo, é normal, só começam a ficar mais ativos lá para 18 dias de vida. Em relação a colher, pode usar essas que você tem em casa, uma menor de sobremesa, sabe ? Ou até aquelas de plástico de aniversário também serve. Se está dando certo com a sonda e você já tem prática, não vejo problema. Só não indico colocar dentro do papo assim, tão novinho mas você que sabe. Vou te mandar uma mensagem privada com o link do meu Facebook para conversamos pelo messenger. Bj
  26. 1 ponto
    Não da pra saber. Mas a primeira e mais importante dica pra vc tomar cuidado com sua outra calopsita é NÃO DEIXA-LA SOLTA PELA CASA. Lugar de calopsita é na gaiola/viveiro ou em lugar separado só pra ela, com segurança, telado e bem ambientado. Longe de riscos. Justamente pra não acontecer fugas, acidentes e intoxicações. Solta só com supervisão direta, na hora da interação com o dono. Tenha em mente que calopsitas são aves e não quadrúpedes como cães e gatos.
  27. 1 ponto
    Boa noite! Mini, parabéns pela sua determinação e sinto muito pelo seu macho, infelizmente esse tipo de coisa acontece, serve de aprendizado. Eu já cuidei de vários bebês desde o primeiro dia de nascido e posso te afirmar que é bem trabalhoso mas muito gratificante. Todos ficaram hiper mansos. Então, vou te passar um pouco da minha experiência e para mais informações você pode olhar em um tópico antigo que criei aqui no fórum ou me mandar uma mensagem privada. Primeiramente, você vai perceber que, conforme os bebês irão crescendo, eles irão necessitar de menor temperatura e maior umidade (se manter a temperatura constante irá perceber que os filhotes começarão a respirar com o bico aberto, fazem isso para controlar a temperatura interna então quando observar isso, diminua a temperatura). Nos primeiros dias, você precisa alimentar assim que o papo esvaziar, eu só sigo tabela após uns 12 dias de vida porque aí já estão grandinhos e já ganharam um bom peso. Fique atenta e a papinha tem que ser mais líquida e não necessariamente rala, ela tem que ficar com a cor forte e com a consistência de leite. Eu utilizo a papinha da alcon nos primeiros 15 dias de vida porque ela é de fácil digestão. Após esses dias, mudo a papinha por alguma mais em conta ou então faço minhas misturas (papa da alcon com pó de aveia ou farinhada etc) porque o filhote já vai estar apto a digerir alimentos mais "pesados". Toda papinha deve vir com um suplemento de probióticos e prebióticos além de enzimas para facilitar a digestão. Porém, eu sempre utilizo um suplemento protéico que contém vitaminas, aminoácidos, prebióticos e probióticos, leveduras vivas e etc e adiciono toda vez uma pequena quantidade na papinha, é muito importante pois vai auxiliar no desenvolvimento da microbiota dos bebês e as papinhas não costumam ser tão completas. Me envie uma mensagem privada que te informo qual o nome pois aqui no fórum não é permitida a divulgação de medicamentos/suplementos. É muito importante e como é baratinho, te indico comprar, dura muito. Eu uso uma colher nos primeiros 12 dias de vida e depois, começo a usar a sonda. Tenha muita paciência quando for alimentar com a colher porque qualquer erro pode induzir a papinha ir para via errada e, provavelmente, o filhote irá morrer. Te indico encostar a colher no bico, com o pescoço do bebê direcionado para cima (mesma posição que os pais iriam alimentar, caso não saiba como é, procure por vídeos no youtube) e então deixar o filhote beber um pouco e retirar em seguida, dando uma pausa para ele engolir sempre. É essencial não tentar dar muita papa de uma só vez, pode demorar mas é o método mais seguro. Irei acompanhar o tópico e estou na torcida para que tudo dê certo. Bj
  28. 1 ponto
    Brócolis e milho cozido sem sal .
  29. 1 ponto
    Espere mais uns 5 dias se não nascer nenhum você tira o ninho e faz a ovoscopia mais se em 5 dias não nascer pode ser que não estavam galados
  30. 1 ponto
    Depende, no meu caso nasceram uma fêmea ( grande) e um macho (pequeno) . Normal .
  31. 1 ponto
    Bom dia. Belas aves. O Kiko certamente porta canela ou pérola por isso a diminuição da coloração cinza (tenho um macho muito parecido e porta pérola). Pipoca é uma fêmea albina (lutina cara branca). Observe a cor dos olhos dela, se forem escuros/cinza ou azulados, possivelmente ela porta arlequim. Se for um vermelho vivo, não porta. Jennifer é um macho lutino canela. Observe a coloração dos olhos dele também. Jhon Snow (adorei o nome) é um arlequim cinza, parece ser um macho. E se for, porta INO então caso queira ter fêmeas e machos albinos, sugiro cruzar ele com uma fêmea albina ou lutina portadora de cara branca. Obs: * Isso se ele for um macho e após, no mínimo, a primeira muda de penas*. Neném também tem cara de macho mas como o Jhon, o rostinho ainda pode mudar. Ele é arlequim cara amarela. Sugiro observar o peso, fêmeas costumam ser mais comilonas e gordinhas. Teste de cloaca não é válido (fêmeas que nunca colocaram um ovo tendem a ter os ossos mais juntos). Aos 3 meses, um macho deve começar a ensaiar cantos. Bj
  32. 1 ponto
    Sinto muito por sua perda. Sei o quanto isso dói, e ficar se culpando também não vai ajudar. Tenho certeza de que você sempre desejou o melhor para sua pequena companheira. Infelizmente, às vezes aprendemos da maneira mais dolorida. Mas ela certamente foi e continuará sendo muito amada.
  33. 1 ponto
    Podem como qualquer animal que tenha uma zoonose. Clamidiose por exemplo pode ser transmitida. Dengue n é uma zoonose, logo, n pode
  34. 1 ponto
    Assim como os lutinos que podem ser tanto machos quanto fêmeas os que sair pérola também poderão ser tanto machos quanto fêmeas. Desse cruzamento vai sair 3 lutinos pra 1 pérola, questão de sorte sair mais lutinos. Mas todos os lutinos que sair serão lutinos pérola.
  35. 1 ponto
    Funcionou... o bebê começou a levantar a cabeça Ele amanheceu sem o ar no papo, fiz a papinha bem rala... (parece água) e não deu ar do papo.. os pais são experientes, qdo peguei eles a antiga dona disse q já tiveram bebês antes.inja esperança é que eles comecem a alimentar o bebê agora que ele procura comida 🥰 Vou mandando noticias!! Obrigadaaaa
  36. 1 ponto
    Bom eu tenho 5 , só um comprei como macho e as outras como fêmea mais fui enganada RS. Agora vou ter que comprar uma fêmea. Pois todos são machos
  37. 1 ponto
    Acho que vc viu um macho . Por experiencia propria ja deixei musicas tocando pra minha femea ate ela ficar azul...sqn... E ela nunca fez nem fiu fiu.
  38. 1 ponto
    Olá Marcia, Além de seguir as dicas que o colega disse, oriento assistir vídeos no youtube de como aparar as asas, assista até se sentir confiante em corta-las e na dúvida corte sempre MENOS para evitar machucar sua ave. Procure os videos da Brena Bráz. Bos sorte! Ninha*
  39. 1 ponto
    Então vou deixar juntos,o ninho ta no viveiro mas ta tampado,so que o macho n para de ficar subindo em cima da femea kk
  40. 1 ponto
    Quando estão em época de acasalamento, tanto ela quanto o macho protegem o ninho ou qualquer coisa que se pareça com um ninho.
  41. 1 ponto
    Só escolher bem as folhas e lavar na água. Na dúvida lava com água sanitária (como diz no rótulo). Ou seja, do msm jeito que se lava pra gente comer, de lava pra as aves.
  42. 1 ponto
    Indicação é veterinário pra ontem, fia.
  43. 1 ponto
    Por isso que não recomendamos chocas contínuas (descanço de pelo menos 3 meses). A choca desgasta muito as aves.
  44. 1 ponto
    Pode ser pelo fato de ter mudado o que já estavam acostumados, e tbm o macho esfregando no poleiro não é verme, ele está cruzando com o poleiro, as vezes quando eles aprendem a fazer isso, não cruzam mais pois aprendem a se satisfazem sozinhos.
  45. 1 ponto
    Tente ver como são os pais, da primeira se a mãe não é pérola canela o filhote é fêmea. Do segundo aparenta também ter canela, portanto mais uma mutação sexo ligada onde só sai machos se a fêmea for da mutação.
  46. 1 ponto
    Doação de duas calopsitas machos. Procuro alguém que cuide com carinho. Zona Norte de São Paulo
  47. 1 ponto
    Danilo é normal as calopsitas dormirem durante o dia. Normalmente elas dormem algumas horas e ficam acordadas o restante do dia, o que não pode é elas dormirem o dia inteirinho, pois isso caracteriza alguma enfermidade. As minhas costumam dormir +/- 12:00 e as 17:00 sendo que toda as regras tem excessões, algumas cochilam até fora desses horários que já percebi ser habitual delas. Quanto a noite é comum também ficarem acordados, sendo que serão influenciados muito pelo movimento da casa. Quando desejamos que eles durmam temos que colocar eles num local mais silencioso e cobrir a gaiola, assim eles entenderam que é hora de dormir. Alguns donos tem o costume de colocar elas para dormir logo que escurece, mas as minhas dormem tarde devido aos meus horários, em compensação elas acordam sempre por volta de 9:00 hs. O importante é que elas tenham um sono tranquilo entre 10 a 12 horas para terem uma boa saúde, se dormirem um pouco menos que isso também não tem problemas, pois esses cochilos durante o dia servem para repor o sono perdido. Se ele é ativo e não estiver causando problemas no dia a dia de sua casa, não vejo problemas dele inverter os horários.
  48. 1 ponto
    Olá Aline Seu caso não é fácil. A postagem está longa mas para quem tem um filhote é importante ler tudo. A primeira coisa é que o ninho não pode ter uma abertura demasiadamente larga, e deve estar seco, também é de grande importância forrar bem o ninho com maravalha vendida em Pet Shop, parece besteira mas isso ajuda e muito a evitar problemas, qualquer stresse na pequena ave pode desbalancear a população dos fungos que causam a fermentação do alimento, ocasionando problemas como papo estagnado ou outros problemas digestivos que retardam o desenvolvimento e podem até matar. A papa deve obrigatoriamente ser servida morna, para isso basta esquentar a quantidade de água equivalente ao que o filhote vai comer de papinha, por exemplo: Se você vai dar 5 ml de papinha, esquente 5 ml de agua mais a agua do 'Banho-maria', coloque os 5 ml de agua em um copo e misture o pó da papinha depois coloque a papinha em 'Banho-maria'. Antes de dar para o filhote, sinta se não está muito quente, o ideal é 38º, você pode medir usando um termômetro desses de farmácia, isto evita problemas como queimaduras no papo do filhote. Podemos oferecer a papa com uma seringa sem agulha ou com uma colher com as bordas amassadas. Para fazer a colher, basta pegar uma de chá e amassar as bordas com a ajuda de uma alicate, nesse caso a papinha PRECISA ficar em 'Banho-maria' enquanto é servida pois na colher o alimento esfria rapidamente. Alimentação com Sonda: Retire qualquer bolha de ar da seringa e pingue uma gota no bico do filhote para que ele reconheça o alimento, quando ele começar a pedir entre com a a sonda do lado esquerdo diagonalmente em direção ao lado direito do bico, onde fica a entrada do papo. Vá apertando a seringa levemente de forma a não encher demasiadamente o papo evitando assim que o filhote aspire a papinha e engasgue, vomite ou até mesmo morra asfixiado. As instruções abaixo são para casos extremos, quando os pais estão incapacitados ou maltratando os filhotes e não substitui a orientação de um profissional Veterinário. Os filhote devem ser tratados de acordo com a idade, a tabela abaixo é apenas uma referência, somente o toque no papo pode dizer realmente a quantidade que deve ser dada. Quanto o papo estiver levemente firme significa que está cheio. Marque o dia que o filhote nasceu para facilitar o trabalho. se você perceber que o papo mantém a forma ao aperta-lo, significa que o alimento esta sendo dado muito sólido e pode haver problemas. Nesse caso dê um pouco de agua de coco e massageie o papo até que o alimento fique bem homogêneo, mole e possa ser digerido. Comece a alimentar sempre a partir das 7:00 da manhã. Não dar nada nas primeiras 2 horas de vida 2 primeiros dias não dê papinha: 0,1 ml de soro (farmácia) ou agua de coco a cada 4 horas 3º e 4º dia: 0,5 até 1,5 ml a cada 2 horas 5º até 7º dia: 1,5 a 3 ml a cada 2 horas 8º até 15º dia: 3 a 5 ml a cada 3 horas 16º até 20º dia: 5 a 7 ml a cada 3 horas 21º até 28º dia: 7 a 9 ml a cada 4 horas 29º até 35º dia: 9 a 13 ml a cada 4 horas 36º até 42º dia: 9 a 13 ml 3 vezes ao dia 43º até 49º dia: 8 a 10 ml 1 vez de manhã e 1 vez a noite 50º até 70º dia: 5 a 8 ml 1 vez a noite Lembrando que depois dos 30 dias iniciais você pode deixar um pote de água, outro com farinhada e o último com uma boa mistura de sementes que devem ser trocados diariamente (mesmo que o filhote não coma), o filhote começará a descascar e aos poucos irá aprender a comer sozinho, portando será uma fase de transição, continue alimentando-os com papinha conforme a tabela para que a ave não passe fome. Com cerca de 10 semanas o filhote vai estar “desmamado” e não vai mais precisar de comer a papinha. Espero que as informações possam ser úteis a você e outros usuários. Abração
  49. 1 ponto
    Gentilmente enviado pela nossa usuária Chris: SOBRE REPRODUÇAO DAS CALOPSITAS As calopsitas se reproduzem em média a partir de 1 ano, podendo ser 10 meses (não recomendado). Se o Casal estiver saudável e na idade reprodutiva, após formarem casal e colocado o ninho, deverão levar de 7 a 15 dias para começar a botar os ovos. Colocam de 4 a 7 ovos em média, dia sim, dia não (dias alternados). O ideal é reproduzir os casais separadamente, não em viveiros comunitários. Na fase reprodutiva, mesmo calopsitas mansas se tornam mais agressivas. Os machos param de cantar, pois na natureza o canto atrai predadores. No período reprodutivo deixe seu casal na gaiola, evite manter solto, pois isso tira a atenção deles para os ovos. Se suas calopsitas fora da fase reprodutiva (ainda filhotes) cruzam, isso é normal – eles ainda não fazem bebês, por isso não coloque ninho antes da idade certa. O pai e a mãe chocam os ovos se revezando no ninho e às vezes até juntos. Quem verifica se o ninho está adequado é o macho. Forre o ninho com maravalha ou floco higiênico, para evitar quebrar os ovos e evitar que os filhotes nascidos fiquem com problemas articulares por não poderem se apoiar bem. O nascimento acontece de 17 a 22 dias para cada ovo. Se não nascerem nesse prazo, aguarde mais 5 dias para cada ovo, antes de descartar. Deixe sempre uma banheira com água limpa e fresca no fundo da gaiola. A fêmea precisa da água e da umidade para botar seus ovos e amaciar a casca para os filhotes nascerem. Os filhotes nascem em dias alternados ou seguidos, depende da experiência do casal em chocar. O pai e a mãe alimentam os filhotes. Nessa fase é muito importante ter muita comida disponível, pois os pais ficam nervosos se não se sentem seguros de que haverá alimento bastante para seus filhotes. Ofereça sementes, milho verde na espiga, couve, cenoura ralada, farinhada de ovo ou ovo cozido. Alimentos não industrializados devem ser retirados no mesmo dia. Os filhotes abrem os olhos por volta de 10 dias de vida. Podem ser pretos ou vermelhos, de acordo com a mutação (cor) do filhote. Nesses 10 primeiros dias evite mexer no ninho. Após isso, com cuidado para os pais não fugirem, pode olhar os filhotes, pegar com cuidado, trocar a maravalha quando necessário. No início os pais ficam nervosos, mas quando percebem que você sempre traz de volta os filhotes em segurança, acabam acostumando com a ajuda. Para amansar os filhotes sem precisar dar papinha (que é contra-indicado, pois diminui a imunidade dos filhotes – e só deve ser usada em filhotes abandonados ou doentes) – é só ir, a partir de 15 dias, pegando os filhotes (2 de cada vez), com muito cuidado, colocar eles um potinho forrado com pano macio ou papel higiênico – leve ele para perto de você por alguns minutos. Faça um carinho suave. Fale com a voz bem calma, não faça movimentos bruscos. Comece com 10 minutos. Eles ainda não podem ficar longe dos pais por muito tempo. Aos poucos aumente o tempo com eles, e quando forem emplumando, faça carinho no topete, nas costas. Por volta de 30 dias, comece a colocar ele no seu dedo (encaixe os pezinhos dele nos seus dedos, de frente para você, em um lugar macio, onde, se ele cair, caia em cima de um sofá ou cama). Assim estará amansando sem precisar tirar dos pais para alimentar. Ele estará se acostumando ao movimento da casa, aos novos sons, aos seus gestos e voz. Com o tempo perderá o medo. Nunca fique mais que 30 minutos, para os pais não ficarem nervosos. As calopsitas se reproduzem na época das chuvas, e costumam ter 2 ninhadas ao ano. Em cativeiro podem ter mais, porém isso não é bom. Se você quiser uma segunda ninhada, aguarde um pouco, pois assim que os filhotes estiverem emplumando os pais começam a cruzar de novo. Nessa hora coloque os filhotes num pote de plástico baixinho, forrado com maravalha ou papel absorvente (higiênico ou de fritura), no fundo da gaiola. Os pais vão continuar alimentando eles e cuidarão da próxima ninhada. Enquanto isso os bebês devem aprendem a comer, para isso coloque potes rasos com comida e água no fundo da gaiola, que o pai ensinará eles a comerem. Assim que estiverem comendo sozinhos, separe eles dos pais em outra gaiola. SE NÃO QUISER UMA SEGUNDA NINHADA: com 21 dias TIRE O NINHO e coloque os filhotes no pote raso no fundo da gaiola, e siga o mesmo procedimento descrito acima. Os pais vão acabar de cuidar deles e devem parar a reprodução. Oba.: Use essa tabela em todas as ninhadas. Você verá que vai traçar um perfil do seu casal, e se acostumar aos padrões deles. Essas anotações têm me ajudado a melhorar a qualidade da reprodução das minhas calopsitas. BOA SORTE PARA TODOS (Ana Christina Macedo Flores)
This leaderboard is set to São Paulo/GMT-03:00