Sign in to follow this  
DCM Balthazar

Artigo: Minhas aves foram expostas a uma ave doente, o que fazer?

Recommended Posts

DCM Balthazar

Minhas aves foram expostas a uma ave doente, o que fazer?

 


OBS.: Obviamente não precisamos comentar que esse procedimento não deve ser realizado e que a QUARENTENA É UM PROCEDIMENTO OBRIGATÓRIO, porém sabemos que acontece.

 


Uma situação que tem chegado muito a mim é a seguinte:
Tenho calopsitas e um amigo trouxe as dele aqui, depois de colocar junto com as minhas percebi que estavam meio doentes e alguns dias depois o dono fez exame e constatou que estavam com clamídia e aí fiquei sabendo que elas realmente estavam doentes (ou mesmo vieram a falecer).


Aí bate o desespero, mas agora é manter a calma e seguir os procedimentos que foram passados pelo Dr. Marcelo Lago a algum tempo atrás. O ideal seria esperar no mínimo uma semana após o contato e, se possível, realizar exames seriado (coletando amostras de vários dias). O Dr. Marcelo Lago ainda indica que se faça pelo menos outros dois exames, com intervalos de 30 e 60 dias do primeiro. Ele também sempre
recomenda a coleta de material múltiplo, incluindo fezes e swab de coana e cloaca.


Vários estudos internacionais citam uma maior segurança quando feito desta forma. O swab é semelhante a um "cotonete", porém estéril. Ele é primeiramente inserido no interior do bico da ave, de forma a se obter material da coana e da abertura traqueal. Em seguida, o mesmo swab deve ser inserido na cloaca do animal e acondicionado no frasco com conservante. Adiciona-se então fezes da ave, preferencialmente de dias diferentes e alternados e envia-se ao laboratório.

 

Mariane Scaldaferri
Colaboração: Dr. Marcelo Lago

Retirado do Grupo Cuidando de Calopsitas, publicado com autorização da autora.

  • Gostei 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this