Jump to content

Calopsita não aceita carinho


Lilianlm

Recommended Posts

Boa noite. Sei que esse é um assunto que existem em alguns fóruns, mas ainda não sanei exatamente minha dúvida com nenhum deles. Eu tenho um casal de Cara Branca há dois meses, e eles têm mais ou menos 8 meses. E nenhum dos dois aceita carinho. Eles sobem no dedo, ombro, um deles está aprendendo a cantar, ou seja, são mansos. Vocês tem alguma dica de como conseguir essa proeza de acariciar meus bebês? Dizem que vai muito de comportamento. Mas vocês que já passaram por isso é depois conseguiram, tem alguma dica? 

Link to comment
Share on other sites

13 horas atrás, Lilianlm disse:

Boa noite. Sei que esse é um assunto que existem em alguns fóruns, mas ainda não sanei exatamente minha dúvida com nenhum deles. Eu tenho um casal de Cara Branca há dois meses, e eles têm mais ou menos 8 meses. E nenhum dos dois aceita carinho. Eles sobem no dedo, ombro, um deles está aprendendo a cantar, ou seja, são mansos. Vocês tem alguma dica de como conseguir essa proeza de acariciar meus bebês? Dizem que vai muito de comportamento. Mas vocês que já passaram por isso é depois conseguiram, tem alguma dica? 

Olha....para aceitar carinho, a ave geralmente precisa ter contato com seres humanos antes dos 30 dias após o nascimento, em média, ou seja, antes de começarem a desabrochar os tufos de pena. Tenho calopsitas que aceitam carinho, as que apenas vem no dedo e no ombro quando acham conveniente,e aquelas que não gostam sequer de serem tocadas. Isto varia, de acordo com o tempo de contato com seres humanos. Se a ave não gosta de ser tocada...sinto muito! Isto ficou embutido na personalidade dela. .Muitíssimo pouco provável que altere o comportamento, EMBORA NÃO SEJA IMPOSSÍVEL.Mas isto não significa que não gostem de você. Apenas respeite os limites que ela lhe impõe, para não desgastá-la. Cada um tem um modo próprio de demonstrar amor. Algumas aves indóceis, quando ficam doentes, se tornam muito carentes e se aproximam do dono, não raras vezes mudam de comportamento da noite para o dia, e isso já ocorreu comigo,mas nem sempre acontece, e ninguém quer que eles fiquem doentes para tanto, não é mesmo? Aliás, se uma ave arisca por muitos anos de repente abaixar a cabeça para receber carinho, mesmo que aparente estar bem, corra imediatamente para o veterinário. Já aconteceu comigo e, infelizmente, não deu tempo de Salvá-lo. Estava irreversivelmente doente. Tudo o que eu escrevi baseia-se no que geralmente ocorre, como padrão, mas não perca as esperanças....a  natureza costuma nos surpreender de formas muito positivas. Uma última observação....uma ave sozinha, sem companhia de outras aves, costuma ser mais propensa  a se aproximar do dono do que se estivesse em grupo, mas a acompanhados de parceiros a qualidade de vida deles melhora muito. Espero ter ajudado. Boa sorte!

Edited by CARONE
Link to comment
Share on other sites

Olha, obrigada pela atenção. E realmente, já aconteceu comigo o mesmo que com você. Tive uma ave arisca que sem mais nem menos ficou dócil, e em pouco tempo veio a falecer. Esse casal que eu tenho no momento só me deixam acaricia-los quando uma está limpando a outra, e sem nem perceber eu começo o carinho, e elas gostam. Mas quando se dão conta de que é meu dedo, elas não aceitam kkk mas obrigada mesmo. Vou continuar tentando, mas sem passar do limite deles. 

  • Gostei 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...

Important Information

We use cookies to improve your browsing experience on the portal. By using Clube das Calopsitas, you agree to the cookie monitoring policy. For more information on how this is done, visit Cookies Policy.