Jump to content

Calopsita fica SUPER brava depois que sai por 15 min da gaiola


Chincha

Recommended Posts

Olá pessoal.

Estou com um problemão, comprei uma calopsita arisca com 4 meses de idade (ja faz uns 4 meses que tenho ele), quando comprei ele era bem medroso, fugia da gente, bicava, bem padrão. Dai consegui amansar ele depois de algumas semanas, a ponto dele adorar ficar com a gente, e sempre fazermos carinho nele.

Não corto as asinhas dele, e deixo ele solto na sala a maior parte do dia, trabalhando de home office agora, eu praticamente fico o dia inteiro com ele, sempre brinco com ele e faço carinho.

Até entao ele vivia voando pela sala feliz, e brincando com a gente, mas de um tempo pra ca ele começou a esfregar a cloaca na gente, li que isso é normal, mas ele faz isso MUITOOOO, sempre que sobe no meu pé ou na nossa mao ele ficava se esfregando, ok... até ai tudo bem, ele continuava manso. Mas faz umas 2,3 semanas que depois que a gente tira ele da gaiola e fica muitooo bravo. Quando eu tiro ele da gaiola ele ainda ta manso, faço carinho, e tudo bem, mas se passa 5 min ele fica extremamente bravo, quando a gente chega pra dar o dedo de puleiro ou pra fazer carinho, ele literalmente ataca a gente, ele nao foge, ele vem pra cima bicando mesmo, e com força, esses dias saiu sangue, mas o mais estranho é que ele sobe no meu pé, na minha perna, sobe no meu colo, fica perto da gente, mas se voce for chegar com a mão perto dele, ele fica muito bravo.

 

Socorro me ajudem.

1dadfbf3-ecc9-49bc-be89-a4c24deaa7df.jpg.1baa5444b72fa0d2ed40f7c5df81a913.jpg

 

 

 

Edited by Chincha
colocar foto do Zoe
  • Gostei 1
Link to comment
Share on other sites

  • 4 weeks later...

Olá! eu vou lhe falar sobre minha experiência pessoal, minhas calopsitas também muitas vezes atacam quando chegamos com a mão perto. Eu também tinha essa dúvida, porém uma vez li que muitas vezes as aves interpretam nossas mãos como um predador, e por esse motivo que acabam por atacar elas e outras partes do nosso corpo elas não fazem nada. Talvez eu algum momento você tenha feito algum movimento, que você não percebeu, mas que sua ave acabou interpretando como ameaça. 

Você pode tentar mostrar para ela que a sua mão não é realmente uma ameaça. Tente ao invés de tentar fazer ela logo subir em sua mão, ir aproximando-a lentamente, para ir fazendo ela se acostumar novamente com ela. Aqui algumas de minhas aves só sobem na minha mão quando ela ta em uma posição especifica, coma palma para baixo por exemplo. Você pode tentar ir vendo algum modo que ela vá ir se sentindo mais confortável. Você só vai ter que ter paciência pois esse processo pode demorar um pouquinho.

Em relação a ela voltar a aceitar carinho, isso eu não sei o que te dizer sobre, pois a minha também ficou com medo e não gosta mais quando chegamos com a mão perto de sua cabeça. Porém você pode ir tentando aos poucos, só lembre de observar muito o comportamento da tua ave, para garantir que tu não vai estar estressando ela. É bem fácil para visualizar seu temperamento então acho que tu vai conseguir aos poucos fazer ela reconhecer que sua mão não é realmente uma ameaça.

Link to comment
Share on other sites

12 minutos atrás, Lívia Brum disse:

Olá! eu vou lhe falar sobre minha experiência pessoal, minhas calopsitas também muitas vezes atacam quando chegamos com a mão perto. Eu também tinha essa dúvida, porém uma vez li que muitas vezes as aves interpretam nossas mãos como um predador, e por esse motivo que acabam por atacar elas e outras partes do nosso corpo elas não fazem nada. Talvez eu algum momento você tenha feito algum movimento, que você não percebeu, mas que sua ave acabou interpretando como ameaça. 

Você pode tentar mostrar para ela que a sua mão não é realmente uma ameaça. Tente ao invés de tentar fazer ela logo subir em sua mão, ir aproximando-a lentamente, para ir fazendo ela se acostumar novamente com ela. Aqui algumas de minhas aves só sobem na minha mão quando ela ta em uma posição especifica, coma palma para baixo por exemplo. Você pode tentar ir vendo algum modo que ela vá ir se sentindo mais confortável. Você só vai ter que ter paciência pois esse processo pode demorar um pouquinho.

Em relação a ela voltar a aceitar carinho, isso eu não sei o que te dizer sobre, pois a minha também ficou com medo e não gosta mais quando chegamos com a mão perto de sua cabeça. Porém você pode ir tentando aos poucos, só lembre de observar muito o comportamento da tua ave, para garantir que tu não vai estar estressando ela. É bem fácil para visualizar seu temperamento então acho que tu vai conseguir aos poucos fazer ela reconhecer que sua mão não é realmente uma ameaça.

Então, eu percebi que não se trata da questão da mão como predador (tbm li sobre isso), pois não importa que jeito eu coloque a mão, ele ataca.

Ele ainda aceita carinho, foi o que eu disse, quando tira ele da gaiola, ou quando ele ta voando e pousa nos moveis, ta tranquilo ainda, ele aceita carinho de boas. Mas quando ele pisa no chão por 5 minutos, ele vira uma fera, em qualquer parte do chão, então tbm acho que nao seja uma questão de ninho 

Link to comment
Share on other sites

Em 31/10/2020 at 11:13, Chincha disse:

Ja tentei isso, ja tentei mão abeta, por baixo, por cima, não importa, ele ataca.

Mas foi o que eu disse, enquanto ele não pisa no chão, é um amor

Com sorte é só uma fase... mas, olha, pela foto o bicho é lindo viu? Rezando aqui por ti que até eu iria querer viver com ele no colo!

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...