27 posts neste tópico

Oi gente, 

Hoje preciso fazer um desabafo. 

Muitas calopsitas não são felizes vivendo em casas humanas.

Quando vou para a academia todo dia passo na frente de um prédio que tem um casal de calopsitas dentro de uma gaiolinha na varanda. A gaiola é pequena e não tem brinquedos. Um deles corre gritando de um lado pro outro no poleiro, numa visível manifestação de estresse. Passo por lá todo dia com aperto no coração.

Hoje percebi que uma das minhas calopsitas respondia a um grito distante que parecia ser de um outro pássaro. Fiquei um tempo escutando e concluí que devia ser outra calopsita num prédio vizinho. Como os gritos não paravam e pareciam agoniados, saí na rua pra ver se a calopsita não estava perdida agarrada em alguma janela.

Quando localizei de onde vinham os gritos vi uma calopsita sozinha gritando numa gaiolinha pendurada na entrada de uma casa térrea. Do lado dela outros passarinhos pequenos engaiolados.

Gente, eu também duas calopsitas na minha casa e eu cuido delas com todo carinho como sei que muitos de vocês fazem. Mas a verdade é que viver numa gaiola não é legal mesmo pra pássaro nenhum. Não poder voar, não poder ter um bando, uma vida social, diversão, perigo, desafios. Quando passa um bando de maritacas voando por aqui vejo meus pequenos fazendo piadinhos como quem suspira e pensa "poxa vida, também queria ir lá fora". 

Eu sempre fui uma pessoa que não gostava de ver passarinho na gaiola e nunca me imaginei indo à um Petshop comprar um pássaro de estimação. O que aconteceu comigo foi o seguinte: na semana do meu aniversário, lembro como se fosse hoje, apareceu aqui em casa um passarinho gritando na janela. Gritou desesperadamente um bom tempo. Eu que não entendia nada de pássaros, demorei pra perceber que aquele barulho, que eu achava que era algum alarme de incêncio quebrado, era um passarinho pedindo socorro. Quando o vi pensei que fosse um periquito. acolhemos ele, demos água e comida e perguntamos no prédio se era de alguém. Avisei o porteiro caso alguém aparecesse procurando. Passaram-se os meses, ninguém veio buscá-lo. Me vi pesquisando na internet sobre calopsitas, arrancamos as prateleiras que tínhamos no quarto para abrir espaço e gastamos uma grana considerável pra fazer um viveiro pra ele perto da janela onde pode tomar sol.

Depois de 6 meses de adaptação o Papiu começou a ter um comportamento alterado. Gritava o dia todo parado num dos galhos do viveiro. Fui pesquisar e a hipótese mais provável do problema era solidão. Mesmo eu estando sempre por perto e dedicando um bom tempo à ele todo dia, ele precisava angustiadamente do contato com outros de sua espécie.

Me desesperei, ele não parava de gritar, eu não queria doá-lo e passar o resto da vida preocupada com o fim que teve. Saí e comprei uma companheirinha, mesmo não concordando de maneira geral com comércio de pássaros.

Hoje os dois parecem estar bem aqui em casa. Eu não corto as asas de ninguém, não aparo as unhas, não visto roupinhas. Tento fazer o possível para que tenham uma vida aceitável. E aceitável é a palavra, pois uma vida plena eu sei que eles não tem e não terão. Por mais que eu me esforce, eles nunca alçaram voos no horizonte, nunca poderão se reproduzir livremente de acordo com seus instintos, nunca terão as rédeas de suas vidas como os pássaros selvagens tem. 

Escrevo isto com os olhos cheios de lágrimas, pois que muitas calopsitas por aí afora estão sofrendo, pois nem as condições mínimas para aliviar o estresse elas tem, não podem voar nem dentro de casa, outras não tem sequer um companheirinho.

Eu aprendi muito com minhas calopsitas e sobretudo porque devemos proteger os animais que ainda são livres, porque devemos proteger o ambiente em que vivem. Pois como nós, eles tem sede de viver uma vida plena e livre.

 

Editado por Syama

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu te entendo perfeitamente, é um conflito...

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lindo relato seu Syama, entendo a sua angustia pois passei por muitas dessas. Eu também não gosto de passaro preso, por isso as minhas vivem todas soltas. Quando ando na rua e ouço algum grito de calopsita já começo a procurar a volta para ver se é alguma perdida, e já vi situações que também me deixaram muito depressiva. Todas as calopsitas que eu tenho foram compradas e algumas adotadas, pois era a única forma de resgatar cada uma do abandono e sofrimento que estavam vivendo. Cada uma minha tem uma história comovente que cerca ela, pois eu comprava somente para dar um lar a elas, pois eram renegadas por seus donos, criadas sem condições mínimas de convivência, muitas estavam a meses em pet shop e ninguém queria comprar, sempre escolhiam as mais charmosas e elas iam ficando meses e meses em gaiolinhas e eu acabava comprando somente para dar um lar a elas, outras eram doadas de dono em dono e nunca tinham um lar fixo dai eu pegava somente para acabar com a perigrinação que viviam. Algumas pessoas que me conhecem dizem que aqui é o lar dos renegados, mas eu digo para eles que elas não são renegadas pois elas vieram parar no paraiso, pois muitas não tem a felicidade de ter as acomodações que elas tem hoje. Eu evito entrar em petshop e olhar elas, ficar olhando na rua, pois se eu tivesse condições acho que traria todas elas para minha casa. 

Se cada um fizer a sua parte pelo menos algumas terão dignidade. Pense que elas estão ótimas com você, elas não pensam em sair para natureza ou ganhar novos horizontes, elas com certeza lamentam a vida que outras passam lá fora. Faça sua parte, que com bons exemplos podemos atingir algumas pessoas. Infelizmente não podemos mudar o mundo, mas podemos melhorar ele um pouquinho com nossas atitudes.

7 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lindos relatos!!

Eu também evito entrar em pet shop, eu tenho vontade de levar tudo pra casa. :(

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Obrigada por todos os comentários gente! São reconfortantes. :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Syama te entendo como ninguém , tenho um vizinho que mora em frente minha casa , que tem uma calopsita faz mais um menos um ano , coitadinha alem de viver em uma gaiola minima  sem nem um brinquedinho  e sozinha  ele faz cada coisa que eu fico revoltada já falei para ele que vou denunciar por maus tratos , ai ele começou a cuidar um pouco mais dela .  mas mesmo assim todo o dia sai trabalhar e deixa  ela la fora  ela fica gritando parece que chora pedindo ajuda , já pedi para ele me dar que eu cudo dela com maior carinho e sei que aqui ela vai ser feliz mais ele fala que a filha não deixa dar ela ,mas a filha dele nem liga para o bichinho menina mimada acha que animalzinho é brinquedo que usa e joga fora .:(

Mas volta e meia ele esquece ela na varanda , na semana passada ele saiu no sábado a tarde o tempo já estava escurecendo para chover  saio e deixou ela pendurada la na varanda que só tem um toldo ela ficou embaixo  mas a note choveu forte e ele não voltou para casa dormio fora  a coitadinha ficou a note inteira  lá sozinha abandonada , a chuva estava forte e com vento ela deve ter se molhado muito não sei como é que ainda não pegou uma pneumonia  , pois ele larga ela la fora direto e a gaiola não tem nem um telhadinho para proteger a coitadinha. 

Eles são meus vizinhos é eu tenho contato são amigos da familia mas não sei como fazer para ajudar esse bichinho que eu sei que esta sofrendo , gostaria que vcs me desem uma ideia ,  tem como eu denunciar, tem como eu provar que eles não estão cuidando dela direito?  

3 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O problema , Salete , e que ninguém considera largar um passarinho assim como maus tratos ...falam que passarinho tem penas pra se proteger e que se tem comida está ok . Também fico revoltada ,e tenho irmãs e cunhados que me chamam de louca e debocham por eu ter tanto cuidado com minha calopsitas , literalmente nao entendem ...e olha que são pessoas esclarecidas . Se fosse um cachorro preso numa varanda largado , todo mundo se solidariza (nada contra cachorros ,tb adoro ) mas infelizmente com pássaros ainda não . Acho que o jeito é vc conseguir convencer ele a te dar ou vender ela , antes que seja tarde demais . Fala que a filha dele pode ir visitar ela quando quiser .

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

tenho muita preocupação para quem irei vender os filhotes que meu casal teve, quero ter a certeza que quem irá ficar com eles irá cuidar mesmo, não gostaria que ficassem presos em gaiolas, que saissem pra trabalhar de manhã e só voltassem pra fazer companhia de noite =/ 

De inicio havia me decidido que ficaria com um, agora estou estudando a hipótese de ficar com os 2, pra não passar pela agonia de pensar se está sendo bem cuidado, sem contar que não sei escolher um, para mim, os dois são especiais, não saberia optar por um deles!

 

3 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não sei se vcs estão nos grupos sobre calopsitas no facebook, é assustador. Muitas gaiolas imundas, aves doentes sem assistência, filhotes muito novos sendo vendidos, eu adoro os grupos mas sempre fico depressiva. Ontem eu vi um homem vendendo filhotes ainda na papa, eles estavam em uma gaiola imunda de mais ou menos um palmo e meio de altura, parecia uma armadilha de pegar passarinhos. As minhas são adotadas e uma nascida aqui em casa, tento dar a melhor vida que eu posso pra elas.

3 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

é amigos  é muito triste , ver essas pessoas tratando os animeis como objetos que compram e descartam quando acham que não serve mais , eu não quero ter criação por esse motivo . não vou confiar em ninguém  na hora de vender , então prefiro  ficar só com que eu tenho ou adotar  , ou adotar  

 Então estou tentando ,  fazer ele mudar de ideia e me vender espero que um dia eu consiga  , vai ser bem dificel   ,  quem sabe Deus não me ajuda e ele muda de ideia..  Eu nem fico olhando esses guapos no Facebook  ou passando em  petes  shop ,  fico com o coração angustiado de ver tanta gente egoísta que só esta pensando na recompensa financeira . 

Só espero que um dia as pessoas vejam nossas aves, como um ser  que merece todo nosso amor carinho e cuidados :x como são com os cachorros e gatos , nada contra  amo todos já tive um pastor alemão que viveu 13 anos com minha família amava ele ,e amo todos as bichinhos  são seres maravilhosos que  estão qui para nos dar felicidade e   merecem todo nosso  respeito e cuidado ..

Minha família fala que eu dou vida de rei para minhas aves , e dou mesmo faço tudo por elas , só compro produtos de boa qualidade para eles , procuro dar todo o conforto possível , , cuido como foce meus filhos 

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 10/11/2015 23:32:28, debora disse:

tenho muita preocupação para quem irei vender os filhotes que meu casal teve, quero ter a certeza que quem irá ficar com eles irá cuidar mesmo, não gostaria que ficassem presos em gaiolas, que saissem pra trabalhar de manhã e só voltassem pra fazer companhia de noite =/ 

De inicio havia me decidido que ficaria com um, agora estou estudando a hipótese de ficar com os 2, pra não passar pela agonia de pensar se está sendo bem cuidado, sem contar que não sei escolher um, para mim, os dois são especiais, não saberia optar por um deles!

 

Pois é, por isso nem tenho coragem de deixar nascer filhotes. 

Em 11/11/2015 01:37:34, Bicuço disse:

Não sei se vcs estão nos grupos sobre calopsitas no facebook, é assustador. Muitas gaiolas imundas, aves doentes sem assistência, filhotes muito novos sendo vendidos, eu adoro os grupos mas sempre fico depressiva. Ontem eu vi um homem vendendo filhotes ainda na papa, eles estavam em uma gaiola imunda de mais ou menos um palmo e meio de altura, parecia uma armadilha de pegar passarinhos. As minhas são adotadas e uma nascida aqui em casa, tento dar a melhor vida que eu posso pra elas.

Que triste. Pior que as calopsitas estão ficando mais populares, então cada vez mais vão ser vendidas como brinquedos bonitinhos, até a pessoa descobrir que elas tem muitas necessidades. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Syama vou ficar com os dois filhotes! Já esta decidido! Uhuuul \o/

Editado por debora
2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gente tudo q foi falado aqui sobre maus tratos a calopsita nos entristece bastante mesmo...chega a da um gelinho no coracao..muita crueldade nessas atitudes....ultimamente eu faco brinquedinhos pra calopsita pra doacoes...quando sei q tem uma calopsita q esta em uma gaiola sem brinquedinho para se entreter...eu pego eu doou...sempre tenho alguns prontos....sao brinquedinhos tao baratinhos.... (se vcs quiserem ver como sao feitos... deem uma passada la no topico "brinquedinhos que fiz ....baratinhos" inclusive anteontem enviei 12 para minha amiga la de Vitoria-ES doar para donos de calopsita  (amigos dela)q nao tem brinquedinho nas gaiolas) pq sei que elas precisam se entreter com algo para ajudar a ter vida longa...sao muitos faceis de fazer e quando eu dou meu coracao fica em festa pq sei que vou fazer a alegria de uma avezinha q esta precisando se distrair  na gaiola!...um abraco pra todos vcs que cuidam de suas avezinhas com carinho!

5 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eh muito triste isso..meus vizinhos aki onde moro tmbm eh assim.os meus teem de td faco d td por eles amo muito..e me enfureco tdo dia q vjo as calo dls no sol ardido gente moro no rs pense cmo ta qnte aki..e tm gnt q faz isso cm os bixinhos  m da muito do..as vzs tnho vontade juro p vcs d dar um jeito e tirar eles de la...sabe moro em ap i nem por isso deixo os meus presos tmpsoas q qrem o bixinho ms n kerem sujar a casa...entao p q tr ?? qria trancar eles numa gaiola i deixar na sacada tmbm no relento do sol passando por td p vr c iam gostar...isso m da raiva..me intristece desculpem psoal..

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
15 horas atrás, gilva disse:

Gente tudo q foi falado aqui sobre maus tratos a calopsita nos entristece bastante mesmo...chega a da um gelinho no coracao..muita crueldade nessas atitudes....ultimamente eu faco brinquedinhos pra calopsita pra doacoes...quando sei q tem uma calopsita q esta em uma gaiola sem brinquedinho para se entreter...eu pego eu doou...sempre tenho alguns prontos....sao brinquedinhos tao baratinhos.... (se vcs quiserem ver como sao feitos... deem uma passada la no topico "brinquedinhos que fiz ....baratinhos" inclusive anteontem enviei 12 para minha amiga la de Vitoria-ES doar para donos de calopsita  (amigos dela)q nao tem brinquedinho nas gaiolas) pq sei que elas precisam se entreter com algo para ajudar a ter vida longa...sao muitos faceis de fazer e quando eu dou meu coracao fica em festa pq sei que vou fazer a alegria de uma avezinha q esta precisando se distrair  na gaiola!...um abraco pra todos vcs que cuidam de suas avezinhas com carinho!

Que linda a sua atitude ,adorei !  Muito bom pra seguirmos o exemplo 

 

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gilva que bela atitude a sua:D  Se todos nos fizermos alguma coisa para mudar a vida deses bichinhos com certeza estaremos, salvando muitas vidas de maus tratos 

Graças a Deus meu vizinho esta cuidando um pouquinho melhor da calopsita dele , mas só fez isso depois que eu chamei ele e falei que iria denunciar a policia se ele continua se deixando ela na chuva e no sol , pelo menos agora ele não deixa ela mais lá na varanda , 

Jesi tente conversar com seu vizinho quem sabe ele não doa para vc  , fale para ele que o que ele esta fazendo da processo criminal e ate cadeia  pode ser que ele se asuste e vc salva essas criaturinhas indefesas  boa sorte 

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Realmente da muita dó delas, tão indefesas, não tem como opinar no que fazemos ... (embora quem realmente ama elas percebe).

A minha na outra casa que eu morava ficava solta, depois que me mudei e nn fico mais em casa ela ficava presa o dia inteiro e solta a noite. Ficava com muita dó delas e fiz o viveiro, agora um casal não quer sair de lá :). Já os outros 2 gostam de vir.  

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nathan os meus também ficam presos o dia todo agora que estou trabalhando fora , não deixo soltos em casa tenho medo deles se machucarem sozinhos e não ter ninguém durante o dia para socorrer acho que eles no viveiro ficam mais seguros , mas o viveiro é grande e coloco bastante brinquedinhos e comidinhas diferentes todos os dias , procura dar o máximo de conforto a eles , quando chego em casa por volta de 6 horas da tarde quando abro a porta é uma festa um grita outro corre para eu abrir o viveiro solto todos e deixo até na hora de dormir eles soltos , brinco e dou muito carinho quando estou em casa isso é o mais importante quando estarmos juntos dar muita atenção , não tem outro jeito temos que trabalhar até para dar tudo que eles precisam , conheço muita gente que fica o dia todo em casa mas larga os bichinhos presos em uma gaiola suja e não dão o minimo de atenção , por isso o importante é a qualidade e não a quantidade .

2 pessoas curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A sujeira em gaiolas é  outra coisa q me deixa indignada...cada gaiola q da nojo de olhar ...grades que de branca estao pretas...puleiro chega ser grosso de coco...vasilhas com lodo no fundo ...balancinho todo cheio de poeira...um horror...muita falta de aseio mesmo...e a pobrezinha da ave la dentro toda triste...lembro de um dia q uma familia tinha um papagaio iam viajar  para passar natal fora...dai eu chegjei na casa deles exatamente quando faltava pouco tempo pra eles viajarem...vendo que eles iam viajar  eu perguntei o que eles iam fazer com o papagaio....a dona me disse que estava deixando bastante comida e agua pra ele pq ela so iria ficar fora por 3 dias...QUASE INFARTEI...

Pedi entao pra ela deixar comigo  pois eu nao iria viajar pq eu estava com minha mae operada e eu estava cuidando dela...entao deixaram comigo....gente quando eu fui pegar a gaiola com ela na cozinha  fiquei horrorizadaaaaaa....a cozinha era minuscula e a gaiola com o papagaio ficava num canto proximo ao fogao (imaginem a quentura q ele recebia na hora que estavam cozinhando?) e num  lugar apertadissimo que nao ventilava e mal cabia essa gaiola! A gaiola era grande tipo viveiro e foi uma luta pra colocarmos no elevador (estavamos num apartamento da minha tia q tinha cediido pra minha mae fazer a cirurgia...e eu  conheci essa dona do papagaio uns 3 dias antes disso ..ela tinha me convidado pra aparecer qualquer hora na casa dela pra v o tal papagaio) gente a gaiola é  exatamente essa q falei ai em cima...caso de denuncia mesmo...o que eu fiz??? Dei uma faxina gigante na gaiola ...o papagaio chegou ficar ate  mais bonito. .o papagaio comecou a se virar na gaiola gritar ...se molhar todo na banbeira que eu coloquei...ficou numa felicidade que eu cheguei me emociona .Dai eles chegaram de viagem e foram buscar o papagaio.... a avo da dona do papagaio foi junto...e chegou a falar ..."É  outra gaiola?"..eu disse nao..eu so  limpei pra colocar a banheira ( juro que fiquei sem graca)..ficamos conversando sobre passaros ..e conversa vai..conversa vem ...mostrei videos de como meus passaros vivem ...soltos...tomam banho de mangueira..tem monte brinquedos pra se distrairem...tomam sol..etc... dai a avo disse pra dona...poxa vc poderia dar o NEGO pra ela...Sabem o que ela respondeu??? "Ah nao vó ...eu gosto tanto dele...tem 8 anos q ja tenho ele...vou sofrer muito!!!! "Dai eu nao aguentei e respondi assim..."olha se um dia vc resolver dar uma vida digna pra esse papagaio seu que vc gosta tanto...vc me liga que eu venho buscar ele aqui e vc pode ir visita-lo a hora que vc quiser...pq ele é  uma ave muito sofrida por isso ele é  tao triste e se vc continuar vivendo como esta vivendo ele nao vai cbegar a 10 anos...e vc sabe quantos anos pode viver um papagaio??? 50 e tem relato de ate 80....desconversou e ficou de me ligar se um dia resolvesse  deixar comigo ...ate hoje espero pela ligacao dela...espero que ela tenha percebido a diferenca da mameira que ela cuida do Nego e tenha mudado a maneira de cria-lo! Ate hoje quando estou dando banho de mangueira no Zezé (meu papagaio) eu lembro do Nego e penso quao feliz ele poderia esta aqui no meio dos meus brincando e vivendo com descencia ...ah como eu queria...NEGO é  uma ave que nunca vou esquecer ...mas quando lembro dele fico triste...triste de verdade!

 

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@gilva tadinho do nego, viver em um ambiente tão sujo e passar tanto calor do lado do fogão.

Aqui hoje mesmo estava tão quente que os meus bbs estavam de bico aberto, coloquei a banheirinha, eles tomaram banho mas não adiantou muito, ainda bem que eles ficam lá fora que ainda é mais fresco que dentro de casa, esse foi um dos motivos para eu ter feito o viveiro, a casa fica vazia o dia inteiro (hoje nn pq é minha folga) e eles ficavam aqui no calor com a casa fechada, tadinho deles, agora estão bem melhor :).

1 pessoa curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora