Jump to content

Adaptação


Jaci e Jhonny

Recommended Posts

Olá pessoal. Sou novo no fórum e gostaria de tirar algumas dúvidas.

Antes uma breve explicação de como me encantei por calopsitas: moro com minha namorada e mais três amigos e uma calopsita. Recentemente, uma de nossas amigas se mudou para fazer intercâmbio e a sua calopsita Jaci ficou sob nossa responsabilidade até seu retorno. Comecei a ler algumas coisas na internet sobre as calopsitas e percebi que a Jaci estava se sentindo sozinha, sempre querendo chamar a atenção. Então decidi adquirir mais uma (no caso, mais um... Jhonny), há duas semanas, para lhe fazer companhia e também para ser o meu pet.

o Jhonny tem por volta de 4 meses. Nos dois primeiros dias dele em casa, deixei-o em paz, mas a Jaci ficava voando ao redor da gaiola dele fazendo a maior festa (ela não tem as asas cortadas, mas temos todos os cuidados para que não fuja). E vendo a festa dela, ele se soltou um pouco, começou a cantar e dar uma corridinhas loucas dentro da gaiola, então decidi abrir sua gaiola e ver como reagia (ele sim tem as asas cortadas).

Ele não é arisco, deixa fazer um pouco de carinho, mas ainda desconfiado. Ele raramente sai de dentro da gaiola e quando a Jaci chega perto para pedir carinho, ele da uma bicadinha e se afasta. Fora isso seu comportamento é aparentemente normal (come, bebe água e dorme quase o dia todo).

Pensei que com duas, quase três, semanas ele ja estaria mais seguro, mas ele sempre parece estar assustado.

O que posso fazer para passar mais segurança a ele? Cogitei afastar a Jaci dele um dia para ver como ele reage, já que ela vive em cima dele, mas em seguida pensei que é melhor ele com um semelhante da espécie do que com um humano gigante.

 

Outra questão que tenho é sobre a Jaci, ela quer bicar/comer tudo: fio, móvel, controle, borracha, papel... o que posso fazer para ela parar de fazer isso? Porque além de fazer mal para ela, estraga as coisas pela casa.

 

Na minha foto do perfil, o Jhonny é o da frente e a Jaci a de trás.

 

Um grande abraço.

Link to comment
Share on other sites

Seja bem vindo. Parabéns, elas são lindas:x Pelo que entendi a calopsita é da sua amiga que está fazendo intercâmbio, que quando voltar ela pegará novamente sua calopsita. O fato de você adquirir uma calopsita sua para fazer companhia a ela poderá ter problemas no futuro, pois pertencem a donos diferentes e elas são monogâmicas, quando formam casal não aceitam outro parceiro e irão sofrer muito na hora da separação quando isso ocorrer. Então, vocês terão que pensar quem abrirá mão da outra calopsita para que elas vivam juntas. 

Você está com ele a somente duas semanas que pouquissimo tempo para ele estar a vontade, mesmo tendo outra que faça companhia para ele. Nunca separe eles, pois ele irá ganhar confiança em você através dela, irá se espelhar nas atitudes dela e com isso perder o receio. Sempre converse com ele de forma delicada, nunca force contato físico, mime ele o máximo que puder oferecendo alimentos na mão, disponibilizando brinquedos que aos poucos ele irá se acostumar a vocês. Lembre sempre de quando estiverem juntos brincar primeiro com ela para depois brincar com ele, assim demonstrará para ela que ele não está lá para ocupar um espaço que era dela e ela não ficará com ciumes dele. 

Quanto a estragar móveis e objetos é comum essas aves agirem dessa forma pois são curiosas e gostam de mordiscar tudo que tem pela frente. Quando estão com as asas grandes elas se sentem mais livre e isso proporciona para que voem para todos os lados e onde param é fatal: destruição na certa.

Eu costumo cortar somente uma asa das minhas para tirar o poder de voo delas, assim inibo elas de ficarem circulando por todos os cantos, acostume elas a viverem em cima do viveiro e coloquei bastante plays para elas poderem circular por cima a vontade, assim desmotiva elas a querem fazer expedição pela casa.

O risco de ficarem a vontade dessa forma é que se elas não forem supervisionadas 24 hs por dia poderão causar acidentes sérios se morderem um fio de eletrodomésticos. As minhas tinham o costume de entrar embaixo da máquina de lavar e eu não vi elas comerem o fio, quando liguei a máquina foi um estou e clarão enorme, graças a deus nada de mais sério aconteceu, inclusive tinha uma embaixo da máquina nesse momento. Mas a máquina que é eletrônica queimou a placa e tive o maior prejuizo para concertar.

  • Gostei 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...