Jump to content

Calopsita resgatada - me ajudem!


rodrigo10fonseca

Recommended Posts

Bom dia galera,

É a minha primeira postagem aqui no fórum. Eu nunca tive calopsita, esta é a primeira vez, mas antes de falar sobre a minha dúvida preciso falar um pouco sobre como  virei irmão do Kiko.

Minha mãe resgatou o Kiko por volta das 8:00h  da manhã no sábado passado quando estava indo para o trabalho, ele  estava no meio do asfalto, andando perdido.  Minha mãe levou-o ao Pet Shop, onde comprou uma gaiola e comidinha para ele, lá fomos informados de que era um macho. Chegamos até a olhar na internet se alguém havia dado falta do Kiko (nome que colocamos nele),  mas ninguém se pronunciou,  então resolvemos ficar com ele.

O que ocorre é que nós temos um cachorro da raça poodle,  ele tem aproximadamente 11 anos e foi criado sozinho sem um animal próximo ele. Só há contato próximo com outros animais nos passeios diários onde ele se encontra com alguns cachorros, enfim, super ciumento e possessivo mas não chega a ser agressivo ele é dócil nunca mordeu ninguém.

No primeiro dia que minha mãe resgatou Kiko, ele ficou o dia inteiro no trabalho com ela (dentro da gaiola) e só foi para casa as 18:30h (minha mãe tem um comércio). Neste dia eu estava viajando só cheguei em casa na segunda-feira de tarde.

Minha mãe é aquele tipo de pessoa que pensa que os animais devem se adaptar ao meio em que estão inseridos, porém, eu sou de opinião diferente, creio que devemos fazê-los  sentir da melhor maneira possível dentro das possibilidades que temos. Logo que cheguei em casa, percebi que o Kiko não era um pássaro de gaiola, ele fica muito inquieto e “gritando”. Quando o tirei da gaiola ele ficou muito quietinho, não dá nem para perceber que ele está ali.

Problema: Nós até tentamos fazer uma apresentação entre meu cachorro e o Kiko porém não deu muito certo, pois, aparentemente, meu cachorro pensou que o Kiko era algum petisco, fora isso,  ele fica morrendo de ciúmes quando estamos perto do Kiko ou quando brincamos com Kiko. Não podemos deixar de dar atenção para os dois, mas creio que o meu cachorro seja um pouco mais sentimental do que o Kiko, além disso, tenho medo de que o Kiko esteja em meu ombro próximo ao meu cachorro e voe  para o chão correndo o risco de ser abocanhado

Solução:  como eu trabalho em casa e tenho que dar atenção aos dois, coloquei  o Kiko no meu quarto e como ele não gosta de ficar na gaiola eu o deixo do lado de fora da gaiola, porém, tenho que fechar a porta  por causa do cachorro, então acabo dividindo a casa em dois ambientes, um para o Kiko ficar solto na gaiola (meu quarto, que é bem arejado, fresquinho e não pega sol diretamente) e outro para o meu cachorro.

Minha dúvida é a seguinte:  O Kiko pode ficar deprimido por eu não estar com ele durante o tempo inteiro ou ele pode se adaptar bem se eu deixá-lo solto no meu quarto e ficar visitando-o várias vezes durante o dia, até mesmo para saber se ele comeu, bebeu água enfim?  Eu até tentei deixá-lo aqui comigo na sala mas ele fica inquieto dentro da gaiola, ele não gosta de ficar na gaiola. Então decidi deixar ele solto dentro do quarto pois aparentemente ele está mais tranquilo, não fica se remexendo e gritando como quando está preso dentro da gaiola. Gostaria de saber se isso pode implicar de forma negativa em seu comportamento. Lembrando que meus pais chegam as 18:30h, então a partir desse horário posso ficar com o kiko dentro do quarto sem que meu cachorro fique morrendo de ciúmes, o que também poderia gerar uma depressão nele.

Quero dar atenção aos dois mas quero que isso seja feito da melhor maneira possível pois como nunca tive uma calopsita não sei como é o comportamento dela em relação a presença do dono, carinho, etc. Quero dar carinho aos dois mas de uma forma que os dois fiquem felizes.

Além disso no caso de eu precisar viajar ou me ausentar vocês acham que eu posso deixar o Kiko solto dentro do meu quarto até a minha mãe chegar do trabalho ou ou devo colocar na gaiola mesmo contra a vontade dele?

Desde já agradeço Fico no aguardo das respostas.

Grande abraço a todos!!

1.jpeg

2.jpeg

Link to comment
Share on other sites

Bem vindo ao fórum :)

As Calopsitas quando Mansas, são muito apegadas aos seus donos e acabam se acostumando com a nossa rotina...são muito inteligentes e reconhecem o dono de longe... Pelo q vc falou, o Kiko deve ter sido criado solto em casa, então o melhor a fazer é deixa-lo solto no seu quarto mesmo...mas tome muito cuidado com seu cão pois como ainda é tudo muito recente aí, um descuido de porta aberta pode causar um acidente...

Se vc pode deixar ele solto e pode ir ver ele durante o dia, acredito q não terá problemas....eles não gostam de se sentir sozinhos, ainda mais se ele for acostumado a passar boa parte do dia com o dono ou tivesse uma fêmea na casa antiga...

Pela foto não dá pra ver direito, mas a mutação dele parece arlequim pérola... não posso afirmar o sexo dele...mande mais algumas fotos, das costas tmbm...

Parabéns pelo novo companheiro ;)

  • Gostei 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

×
×
  • Create New...