Jump to content

Uma grande perda e um grande recomeço!


Beatriz Fernanda
 Share

Recommended Posts

Boa tarde, pessoal! 

Bom, em Agosto do ano passado completei 1 ano de união com o meu marido, e como sou apaixonada por aves, ele me deu uma calopsita, que era meu sonho da vida, mas eu nunca havia criado nenhuma. Eu peguei ela ainda na papa, faltava até algumas peninhas. Comprei uma gaiola rosa para ela, do jeitinho que eu queria e que ela merecia, comprei a papa, o pó de serra, comprei brinquedos e sementes. Fui buscá-la com uma alegria enorme, só que como eu era inexperiente, e ela ainda comia a papa, eu tive dificuldade p criá-la, a moça que me vendeu veio buscá-la para mim poder pegar ela qd já estivesse mais independente. Nesse meio tempo, eu me preparei, pesquisei muito, comprei a seringa própria pra papa, e peguei ela de volta. Qd ela chegou, foi só alegria! Ela era muito amorosa, carinhosa, dengosa, um amor de Ave! Me apaixonei por ela na primeira vez que a vi, e coloquei o nome dela de Catharina! Passado algumas semans, eu comecei a me "achegar" mais com a moça que me vendeu ela, nós conversávamos todos os dias, e nisso, descobri que ela "entupia" eles de remédio, pois lá aonde ela criava, tinha pássaros doentes e saudáveis convivendo juntos. A Catharina não tinha imunidade NENHUMA, ela era dependente de remédios, na primeira caída de temperatura, ela ficou muito doente, teve uma bacteria e emagreceu, o peito ficou seco, nisso, levei ela no vet, ele passou um remédio, que nem lembro o nome, comecei a dar no bico e na água, mas eu não via melhora alguma, ela começou a ficar fraca, chorava muito, eu mal dormia tentando aquecer ela, liguei lâmpada, tirei minha camiseta, colocava ela em contato com meu corpo, e a cobria pra ver se ela esquentava, mas ela só piorou... Passou 3 dias, eu continuava com os remédios, e tentando aquecer, qd achei que ela iria melhorar, ela perdeu as forças das patinhas e caiu dentro da gaiola, eu desesperada peguei ela, comecei a massagear o peito, fiz respiração, fiz tudo o que eu pude, corri com ela pro vet, mas no meio do caminho ela não aguentou e se foi... Aquilo acabou comigo, me senti um lixo, a pior pessoa por não ter conseguido salvá-la, sonhei com ela vários dias, fiquei muito mal. Ela não ficou nem 3 meses comigo. Agora no final de Dezembro, um amigo do meu pai me deu outra de presente, veio filhote tbm, mas fora da papa já, super saudável, ativa, e eu amansei pois era meio arisco. No começo foi difícil, pois a minha Catharina era um doce, eu me sentia frustrada por não conseguir nem pegar ela da gaiola, mas hoje é um amor, AMA um carinho, fica comigo na cama, pia muito, e acho que vai cantar! Coloquei o nome de Valentina, mas acho que é machinho, então até termos certeza, a chamamos de "piu" kk é a nossa alegria! Todo fim, tem um recomeço, o meu não foi fácil, mas eu aprendi com meus erros, e aprendi que o nosso amor, não podemos guardar, mas sim, dividir e multiplicar! 

*A foto que estou com ela pertinho do rosto é a Catharina*

*A outra foto é a Valentina *

 

 

 

 

 

 

 

IMG-20171014-WA0004.jpg

IMG-20180105-WA0022.jpeg

Edited by Beatriz Fernanda
Erros
  • Gostei 3
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Ruz disse:

Parabéns pela luta, realmente a gente se apega muito a elas, seria muito bom você fazer os exames preventivos nesse novo filhotinho, tem a Unigem e a São Camilo.

Obrigada! Ela já fez todos os exames, está super saudável! Beijos. 

  • Gostei 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...